Adição aos jogos digitais: uma investigação psicanalítica

R$45.00

Em estoque

Consulte o prazo estimado e valor da entrega

Não sei meu CEP
Categorias: ,

Descrição

Páginas: 130            Formato: 16×23

Edição: 1ª                Ano: 2022

ISBN: 978-65-86711-56-1

Resumo:

Jogos, digitais ou físicos, encantam pessoas de todas as idades. Uma das razões para isso é que eles não precisam de um motivo exterior; joga-se pelo prazer de jogar. Atualmente, o jogo é o produto mais produzido, mais vendido e mais praticado pelas pessoas. Em outras palavras: todos gostam de jogar. A cultura digital e suas tecnologias afetaram a tudo e as pessoas, aí incluídos os jogos e a gamificação, graças aos recursos da inteligência artificial e aos processos de simulação e resolução de problemas via algoritmos. Muitos foram arrebatados pelo seu uso, pelo seu fascínio e, por extensão, por seus perigos, como é o caso da adição. (Elza Mendonça de Macedo)

Índice:

Prefácio, Elza Mendonça de Macedo

Introdução

Metodologia: percurso da pesquisa

1 O jogo e a psicanálise

2 A adição aos jogos no horizonte de seu tempo

3 A adição aos jogos digitais e a fantasia

4 A adição aos jogos digitais: perspectivas a partir do gozo

5 Jogadores em grupo: laços a partir dos jogos digitais

Considerações finais

Referências

Sobre o autor:

Michel Andrew Nogara. Doutor em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Mestre em Promoção da Saúde pela Universidade Cesumar. Especialista em Psicologia Clínica: Abordagem Psicanalítica pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná e Especialista em Psicologia Clínica pelo Conselho Federal de Psicologia. Atua como psicólogo clínico e como professor do Curso de Medicina na Universidade Paranaense.

 

Você também pode gostar de…