Do Trauma da Sedução à Sedução Traumática: Diálogos entre Sándor Ferenczi e Jean Laplanche

R$56.00

Fora de estoque

Avise-me quando chegar!

Descrição

Páginas: 200            Formato: 16×23

Edição: 1ª                Ano: 2022

ISBN: 978-65-86711-53-0

Resumo:

A autora apresenta a teoria de Ferenczi e a de Laplanche para comentar seus pontos de encontro e desencontro. Faz aproximações e distinções entre as teorias que nos instigam vivamente, retomando a história de cada uma dessas teorias e também as articulações entre elas. A tese que Baracat propõe abre novos campos de pesquisa sobre o trauma, a sedução e a introjeção, citando apenas três conceitos muito bem explorados por ela.

Índice:

Prefácio, Fábio Belo

Aviso aos navegantes

Introdução

1 – Método, memória e história da psicanálise

2 – Orocurando Ferenczi

3 – A catástrofe humana: Ferenczi e o traumático

4 – A teoria da sedução generalizada de Jean Laplanche

5 – Do trauma da sedução à sedução traumática – Ferenczi com Laplanche

Considerações finais

Referências

Sobre a autora:

Juliana Baracat é psicóloga e doutora em Psicologia pela Universidade Estadual Paulista – Júlio de Mesquita Filho, Campus Assis. Desde 2010 trabalha temáticas voltadas para o campo da Psicanálise Social, historiografia psicanalítica e com questões de gênero e diversidade sexual. Atua como docente em graduação e pós-graduação, tanto no âmbito privado quanto público, na qualidade de docente colaboradora. Atualmente desenvolve uma pesquisa de pós-doutorado em que dá sequência à investigação da transmissão fantasmática do pensamento de Sándor Ferenczi no movimento psicanalítico francês, através da figura de Eugénie Sokolnicka, cuja influência, desmentida e desautorizada, a soterrou no silenciamento institucional, tal como ocorrido com seu mestre.