O Psicanalista Vai ao Cinema–Vol.3

R$46.00

Em estoque

Consulte o prazo estimado e valor da entrega

Não sei meu CEP

Descrição

Páginas: 140          Formato: 23×16

Edição1ª              Ano2016

ISBN978-85-5524-014-0

Resumo:

Este livro é composto por leituras psicanalíticas feitas pelo escritor e psicanalista Sérgio Telles tendo como ponto de partida alguns importantes filmes cuidadosamente escolhidos por ele, de modo a demonstrar neste volume 3 que o cinema pode ser utilizado como um exercício fascinante para se compreender a psicanálise em seus diversos contextos.

Índice:

Prefácio, Cunha Jr.

Apresentação

A Grande Beleza (2013), de Paolo Sorrentino

Eu, Mamãe e os Meninos (2013), de Guillaume Gallienne

A Caça (2012), de Thomas Vinterberg

Amor (2012), de Michael Haneke

Depois de Lucia (2012), de Michel Franco

A Pele que Habito (2011), de Pedro Almodóvar

Shame (2011), de Steve McQueen

Precisamos Falar sobre o Kevin (2011), de Lynne Ramsay

J. Edgar (2011), de Clint Eastwood e Separação (2011), de Asghar Farhadi

Os Descendentes (2011), de Alexander Paine

As Canções (2011), de Eduardo Coutinho

Melancolia (2011), de Trier

A Árvore da Vida (2011), de Terence Mallick

Meia-Noite em Paris (2011), de Woody Allen

Um Método Perigoso (2011), de David Cronenberg

Film Socialisme (2010), de Jean-Luc Godard

Anticristo (2009), de Lars von Trier – Reflexões sobre o ódio entre homens e mulheres

Ele Não Está tão Afim de Você (2009), de Ken Kwapi

A Janela (2008), de Carlos Sorín

Pecados Inocentes (2007), de Tom Kalin

Saraband (2003), de Ingmar Bergman

A Secretária (2002), de Steven Sheinberg

Cidade dos Sonhos (2001) e O Império dos Sonhos (2006), de David Lynch

8½ mulheres (1998), de Peter Greenaway

Leolo (1992), de Jean Claude Lauzon,

Nostalgia (1983), de Andrei Tarkovski

O Conformista (1970), de Bernardo Bertolucci

O Declínio da Autoridade no Cinema Contemporâneo

 

Sobre o autor:

Sergio Telles

Psicanalista e escritor, membro do Departamento de Psicanálise do Instituto Sedes Sapientiae, onde coordena o grupo “Psicanálise e Cultura” e faz parte do corpo editorial da revista “Percurso”. É autor de vários livros como: “O psicanalista vai ao cinema – vols. 1, 2 e 3”, “Fragmentos Clínicos de Psicanálise” e “Visita às casas de Freud e outras viagens” e de literatura, com os quais ganhou dois prêmios: Menção Honrosa no Concurso de Contos do Paraná 1988 com “Mergulhador de Acapulco” e o Prêmio Melhor Livro de Contos de 2002 da Associação Paulista de Críticos de Arte – APCA – com “Peixe de Bicicleta”. Tem colaborado na grande imprensa (foi colunista do jornal “O Estado de São Paulo” de 2011-2013) e mantém há 16 anos uma coluna mensal na revista eletrônica “Psychiatry on Line – Brasil”.