Paisagem, Imaginário e Narratividade

R$45.00

Em estoque

Consulte o prazo estimado e valor da entrega

Não sei meu CEP

Descrição

Páginas: 272              Formato: 16×23

Edição: 1ª                Ano: 2015

ISBN: 978-85-64250-77-2

 

Resumo:

“Paisagem, Imaginário e Narratividade. Olhares transdisciplinares e novas interrogações da Psicologia Social” é um livro coletivo que reúne textos de especialistas de diferentes áreas de conhecimento, alguns deles bastantes prestigiados em seus respectivos campos, os quais expressam nesta obra importantes reflexões sobre o imaginário, a paisagem e a narratividade.

 

Índice:

Preâmbulo (Sandra Maria Patrício Ribeiro)

PARTE I – Paisagem, Imaginário e Narratividade

  1. Da imaginação material à geopoética em Gaston Bachelard (Jean-Jacques Wunenburger)
  2. Chronos, o tempo.Da mitologia grega ao relógio (Eda Tassara; Marcello G. Tassara)
  3. A Novidade e a Morte (José Duarte Gorjão Jorge)
  4. Apsiqueno espaço: pertinência e imaginação do/no lugar (Guilherme Scandiucci; Laura Villares de Freitas)
  5. O sentido da hermenêutica: hermenêutica da linguagem e simbolismo (Luis Garagalza)
  6. O Imaginário Mítico da Pós-Modernidade. Um contributo a partir da Mitodologia de Gilbert Durand (Alberto Filipe Araújo; José Augusto Ribeiro)
  7. Psicologia Narrativa: Subjetividade comoser-em-estórias (Paulo Renato Jesus)

PARTE II – Olhares Transdisciplinares

  1. A natureza subjacente na cidade: córregos ocultos em São Paulo (Vladimir Bartalini)
  2. Metamorfoses de Ouro Preto: os espaços oníricos igrejas-torres-cruzes-cemitérios como singularidades do imaginário ouropretano (Alexander de Freitas)
  3. A Pintura em Paraty: Historicidade das Categorias da Experiência Estética (Arley Andriolo)
  4. Mitopoiese de Tatá-Molambo: a estória de vida de um “grupo” (José Carlos de Paula Carvalho; Denis Domeneghetti Badia)
  5. Matrizes do pensamento pedagógico dos anos 1960 e 1970: memória, imaginário e histórias de uma professora maranhense (Iduina Mont’Alverne Chaves; Adrianne Ogêda Guedes)
  6. O risco da morte como espetáculo da vida: tentativas de suicídio de prostitutas brasileiras na Europa (José Carlos Sebe Bom Meihy)
  7. Adaptação do AT-9 (Yves Durand) à arquitetura: para uma arquitetura sensível (Danielle Rocha Pitta)
  8. Contribuição para a análise da dimensão simbólica do lugar. Arquétipo teste do Lugar com 9 elementos (AtL-9) (Tania da Rocha Pitta)

PARTE III – Interrogações

  1. Assentamentos e bairros rurais. Caipiras e caiçaras: os casos de Cunha e Parati (Maria de Lourdes Zuquim)
  2. Relatos das ações institucionais articuladas entre o ICMbio e demais parceiros para a salvaguarda do patrimônio cultural e natural em Arraial do Cabo–RJ (Paulo Sérgio Barreto; Rafaela Farias; Viviane Lasmar)
  3. A dimensão lúdica das paisagens partilhadas (Flávia Tiemi Suguimoto; Euler Sandeville Júnior; Eugênio Fernandes Queiroga)
  4. O morador de rua interpela a Psicologia Social (Paulo Rodrigo Unzer Falcade)
  5. Histórias para habitar – memórias, moradas e trajetividades (Daniela Caielli)
  6. A paisagem viva da Liberdade (Danilo Sergio Ide)

 

Sobre os organizadores:

Sandra Maria Patrício Ribeiro

Professora do Departamento de Psicologia Social e do Trabalho do Instituto de Psicologia da USP. Mestre e doutora em Psicologia Social pelo Departamento de Psicologia Social e do Trabalho do IP-USP. Psicóloga pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo. Seus estudos concentram-se na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia Social e na Formação do Psicólogo, atuando principalmente nos seguintes temas: mitopoética, memória, imaginário e paisagem da cidade, e suas relações com o ethos contemporâneo, com a estratificação psicossocial e com os processos de subjetivação e de construção dos vínculos sociais.

Alberto Filipe Araújo

Professor do Instituto de Educação da Universidade do Minho, Braga – Portugal. Pesquisador do Centro de Investigação em Educação (CIEd) da Universidade do Minho, Braga.