Por que Freud Hoje?

R$69.00

Em estoque

Consulte o prazo estimado e valor da entrega

Não sei meu CEP

Descrição

Páginas: 296          Formato: 16×23

Edição: 1ª              Ano: 2017

ISBN: 978-85-5524-040-9

Resumo:

Esta obra reúne autores de renome nacional e internacional, os quais apresentam sua visão a respeito da importância do pensamento de Freud nos dias atuais. Para além da Psicanalise, diferentes campos do conhecimento e da ciência são contemplados, como a Filosofia, Psiquiatria, Neurociência, Pedagogia, Saúde, Artes, Literatura e a própria Psicanálise de escolas pós-freudianas. Abordam de que maneira o contato com as ideias de Freud contribui para o entendimento dos problemas que a nossa época suscita e também para a clínica do mal-estar contemporâneo, privilegiando, assim, reflexões que giram em torno da ainda permanente influência de Freud nessas diversas áreas do saber.

Índice:

PARTE I. A Atualidade do Pensamento Freudiano

1. Três Motivos (pelo Menos) para se Ler Freud, Hoje – Maria Rita Kehl

2. Discurso Freudiano e Contemporaneidade – Joel Birman

3. O Quarto Golpe e a Virtude Freudiana – Daniel Kupermann

4. Freud em Frankfurt: A Função da Psicanálise no Pensamento de Theodor Adorno – Vladimir Safatle

5. Freud Nosso de Cada Dia – Escolhas, Deslizes e Adoecimentos – Gláucia Leal

6. A Presença de Freud na Psicanálise Pós-freudiana – Nelson Ernesto Coelho Júnior

7. Linguagem, História e Desejo ‒ Sobre a Atualidade de Freud – Pedro de Santi

PARTE II. Freud, as Ciências e os Diversos Campos do Saber

8. A Cerebração de Freud: Contribuições do Pensamento Freudiano para a Neurociência – e Vice-Versa – Sidarta Ribeiro

9. Freud, o Sujeito da Psicopatologia e o Futuro da Psiquiatria – Mario Eduardo Costa Pereira

10. A Presença do Pensamento Freudiano no Campo da Saúde – Maria Lívia Tourinho Moretto

11. Freud entre a Ciência e a Filosofia Hoje – Christian Ingo Lenz Dunker

12. A Importância de Freud para a Arte e a Literatura – Tania Rivera

13. Sigmund Freud e o Interesse Pedagógico da Psicanálise – Leandro de Lajonquière

Epílogo:

Freud na Veia, Hoje e Amanhã – Renato Mezan

Apêndice:

Breve Biografia de Sigmund Freud – Daniel Kupermann

Sobre os Autores

Maria Rita Kehl. Psicanalistajornalistaensaístacronista e crítica literária. Doutora em Psicanálise pela PUC-SP. Recebeu o Prêmio Jabuti na categoria “Psicologia e Psicanálise” com o livro O Tempo e o Cão – A Atualidade das Depressões e recebeu o Prêmio Direitos Humanos do governo federal na categoria “Mídia e Direitos Humanos”.

Joel Birman. Psicanalista; Membro do Espaço Brasileiro de Estudos Psicanalíticos e do Espace Analytique; Professor Titular do Instituto de Psicologia da UFRJ; Diretor de Estudos em Letras e Ciências Humanas, Universidade Paris VII; Pesquisador associado do Laboratório “Psicanálise e Medicina e Sociedade” e Professor associado da École Doctorale de Psychanalyse da Université Paris VII.. Pesquisador e Consultor Ad hoc do CNPq. Autor de diversos livros, publicados no Brasil e no exterior, dos quais se destacam Mal-estar na AtualidadeArquivos do mal-estar e da resistênciaCadernos sobre o mal e O sujeito na contemporaneidade.

Daniel Kupermann. Professor doutor do Departamento de Psicologia Clínica do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP), onde coordena o psiA – Laboratório de pesquisas e intervenções em psicanálise; bolsista de produtividade em pesquisa do CNPq; psicanalista e autor de vários artigos publicados em revistas especializadas nacionais e estrangeiras, bem como dos livros Transferências cruzadas: uma história da psicanálise e suas instituiçõesOusar rir: humor, criação e psicanálisePresença sensível: cuidado e criação na clínica psicanalítica e Estilos do cuidado. É co-organizador de A fabricação do humano e Amar a si mesmo e amar o outro.

Vladimir Safatle. Professor livre-docente do Departamento de Filosofia da USP, bolsista de produtividade do CNPq, professor visitante das Universidades de Paris VII e Paris VIII, professor-bolsista no programa Erasmus Mundus. Autor de A paixão do negativo: Lacan e a dialética (2006), Folha explica Lacan (2007), Cinismo e falência da crítica (2008), O circuito dos afetos (2015), entre outros. Colunista do jornal Folha de S.Paulo e da Revista CULT.

Gláucia Leal. Jornalista, psicóloga e psicanalista, membro do Departamento de Psicossomática Psicanalítica do Instituto Sedes Sapientiae. Editora da revista Mente e Cérebro (Grupo Scientific American International).

Nelson Ernesto Coelho Júnior. Psicanalista, professor doutor do Instituto de Psicologia da USP.

Pedro de Santi. Psicanalista. Líder da área de Humanidades e Direito e professor da ESPM. Professor do Curso de Especialização em Teoria Psicanalítica da PUC-SP/COGEAE. Doutor em Psicologia Clínica pela PUC-SP. Mestre em Filosofia pela USP. Autor dos livros A Construção do Eu na ModernidadeA Crítica ao Eu na Modernidade – em Montaigne e FreudDesejo e Adição nas Relações de Consumo e Eu e o Outro na Cidade.

Sidarta Ribeiro. Neurobiólogo. Diretor do Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e professor titular da UFRN.

Mario Eduardo Costa Pereira. Psicanalista, psiquiatra. Professor titular de Psicopatologia Clínica pelo Laboratoire de Psychopathologie Clinique et Psychanalyse da Aix-Marseille Université (França). Livre-Docente em Psicopatologia do Dpto de Psiquiatria da FCM/UNICAMP, onde dirige o Laboratório de Psicopatologia: Sujeito e Singularidade (LaPSuS). Diretor do Núcleo de São Paulo do Corpo Freudiano – Escola de Psicanálise.

Maria Livia Moretto. Professora do Departamento de Psicologia Clínica do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (IPUSP), coordenadora do Grupo de Pesquisa “Psicanálise, Saúde e Instituição” do IPUSP, psicanalista membro do Fórum do Campo Lacaniano de São Paulo, onde coordena a Rede de Pesquisa “Psicanálise e Saúde Pública”, Editora-Chefe da Revista Psicologia USP, Diretora de Publicação da Sociedade Brasileira de Psicologia Hospitalar e membro do Grupo de Trabalho “Psicanálise, Política e Clínica” da Associação Nacional de Pesquisas e Pós-Graduação em Psicologia (ANPEPP).

Christian Ingo Lenz Dunker. Psicanalista. Professor Titular em Psicanálise e Psicopatologia do Departamento de Psicologia Clínica do Instituto de Psicologia da USP. Fez seu pós-doutorado pela Manchester Metropolitan University e é Analista Membro de Escola (AME) do Fórum do Campo Lacaniano. Coordenador do Laboratório de Teoria Social, Filosofia e Psicanálise da USP (Latesfip). Autor de Estrutura e Constituição da Clínica Psicanalítica (vencedor do prêmio Jabuti), Mal-Estar, Sofrimento e SintomaA Psicose na Criança, Por que Lacan?. Articulista e colaborador regular de diversos jornais e revistas.

Tania Rivera. Doutora em Psicologia pela Université Catholique de Louvain, Bélgica, realizou Pós-Doutorado em Linguagens Visuais na Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro. É ensaísta, psicanalista e professora do Departamento de Arte e da Pós-Graduação em Estudos Contemporâneos das Artes da Universidade Federal Fluminense (UFF). Escreveu os livros Arte e Psicanálise (2002), Guimarães Rosa e a Psicanálise (2005), Cinema, Imagem e Psicanálise (2008) e O Avesso do Imaginário – Arte Contemporânea e Psicanálise (2013). Dirigiu, entre outros, o vídeo Ensaio sobre o Sujeito na Arte Contemporânea Brasileira (2012).

Leandro de Lajonquière. Obteve, na França, a Habilitation à Diriger de Recherches (equivalente à Livre-Docência) na Université Paris 8. Professor em Ciências da Educação na Université Paris8 Vincennes-Saint-Denis. Na Argentina, integra como convidado os cursos de pós-graduação de “Ciências Sociais” de FLACSO e “Infância e Instituições” da Universidad Nacional de Mar del Plata. Membro Fundador do LEPSI IP/FE-USP e coeditor do periódico Estilos da Clínica (USP). Autor do livro Figuras do Infantil (2010), entre outros trabalhos.

Renato Mezan. Psicanalista. Professor titular da PUC-SP. Coordenador editorial da Revista Percurso. Dentre suas obras, destacam-se Freud – A Trama dos ConceitosFreud Pensador da CulturaEscrever a Clínica, Figuras da Teoria Psicanalítica, Intervenções e O Tronco e os Ramos – Estudos da História da Psicanálise, com o qual recebeu o Prêmio Jabuti na categoria “Psicologia, Psicanálise e Comportamento”.