Por que ignoramos Freud o “pediatra”?

R$42.00

Em estoque

Consulte o prazo estimado e valor da entrega

Não sei meu CEP

Descrição

Páginas: 104            Formato: 16×23

Edição: 1ª                Ano: 2021

ISBN: 978-65-86711-38-7

Resumo:

O estudo aqui apresentado tem como intuito principal abordar a relevância da formação pediátrica de Freud para a origem da psicanálise. Parte do enfoque da extrema repressão da sexualidade como fenômeno social da segunda metade do século XIX, sendo assim possível fazer alguns questionamentos acerca da conexão entre o nascimento da psicanálise e o auge das operações cirúrgicas em órgãos genitais, apesar da quase absoluta exclusão desse tema no discurso freudiano.

Índice:

Prefácio, Adela Stoppel de Gueller

Apresentação à edição brasileira

Por que ignoramos Freud o “pediatra”?

Considerações finais

Referências

Sobre o autor

Carlos Bonomi

Psicanalista, trabalha e mora em Florença, Itália. É doutor em filosofia e psicologia, analista didata e supervisor da Società Italiana di Psicoanalisi Sándor Ferenczi, presidente da International Sándor Ferenczi Network (ISFN). Coeditor responsável pela revista The Wise Baby. Il poppante saggio, editor associado do International Forum of Psychoanalysis e editor Internacional e assessor de muitas outras revistas de psicanálise. Ensinou História e Psicologia Dinâmica na Universidade de Florença, escreveu por volta de 100 artigos e vários livros, dentre os quais The Cut and the Building of Psychoanalysis, em dois volumes (2015, 2018). Em 2021 será lançado em italiano e em francês seu último livro Breve storia apocalittica della psicoanalisi – Brève histoire apocalyptique de la psychanalyse.